Mercado em baixa? Agora é hora de investir em Previdência!

Você certamente já ouviu o mais famoso jargão do mercado financeiro: comprar na baixa, vender na alta. A dica é simples, mas indica um tipo de comportamento muito importante para todos os investidores, e isso não vale apenas para quem investe no mercado de ações. Na prática, quer dizer que, para aproveitar a valorização de um ativo financeiro, o cenário ideal é aquele em que você pagou barato e embolsou a valorização desse ativo quando o preço dele subiu.

Por exemplo, você prefere pagar R$ 10,00 ou R$ 15,00 pelo mesmo ativo? A resposta é óbvia, certo? O momento ideal é comprar em baixa pois você terá um potencial de valorização maior no preço desse ativo. Na Previdência Complementar funciona da mesma forma. Se você estiver receoso em fazer um aporte suplementar ao seu plano de previdência, ou mesmo em aderir ao plano oferecido por sua empresa em um momento de baixa do mercado, saiba que essa é uma boa oportunidade para isso. Quando a valorização das cotas que compõem o fundo gerido pela entidade de previdência ocorrer, o seu dinheiro se beneficiará muito dessa valorização.

O analista de investimentos André Rocha, em sua coluna no Valor Investe, explica que “o investidor deve distribuir sua poupança em três categorias: (i) reserva de curto prazo, (ii) aquisição de bens duráveis, imóveis ou viagens e (iii) a parcela destinada a aposentadoria. A primeira deve ser reservada para contingências como desemprego e problemas de saúde. Ela deve contemplar entre seis a doze vezes o gasto mensal. A segunda tem um propósito específico. Já a terceira deve ser resgatada para consumo, apenas após a aposentadoria”.

Entidades de previdência complementar costumam ter uma gestão diversificada de recursos (falamos sobre a importância da diversificação dos investimentos em outro texto desta série link ao final deste texto). A gestão dos investimentos é feita por profissionais qualificados, que visam sempre proteger o patrimônio dos participantes e buscar ganhos exponenciais. Como a previdência tem como característica o longo prazo, ela é uma opção de investimento segura e adequada para acumulação de recursos para o futuro, visando a aposentadoria.

#issoprotegesuavida

Programa de Educação Financeira e Previdenciária A Escolha Certa

Compartilhe nosso conteúdo com a hashtag #issoprotegesuavida nas redes sociais!